31Mar, 2020
ASPIPP encerra março articulando agenda para alavancar o setor de irrigação em 2020

ASPIPP encerra março articulando agenda para alavancar o setor de irrigação em 2020

Campos de Holambra (SP) – Mesmo com os diversos cancelamentos decorrentes pelo surgimento de casos do novo Coronavírus (Covid-19) no Brasil, a representação da Associação Sudoeste Paulista de Irrigantes e Plantio na Palha (ASPIPP) teve intensa agenda de trabalho durante todo o mês de março, articulando contatos e participando de 3 eventos relevantes para o setor de irrigação.

O primeiro deles aconteceu em Brasília (DF), no dia 5 de março, quando a diretora executiva Priscila Silvério Sleutjes participou da primeira reunião anual da Comissão Nacional de Irrigação (CNI) da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA). O evento contou com a representação das principais instituições irrigantes, federações e ministérios e na ocasião foram priorizadas ações para alavancar agricultura irrigada no País em 2020.

Agenda Federal

Entre os encaminhamentos discutidos, a CNI e suas entidades destacaram a necessidade de maior engajamento do setor nas discussões de políticas no âmbito dos comitês de bacias hidrográficas e, neste sentido, deve capacitar membros da própria comissão e também de produtores irrigantes, para atuar em nível local, especialmente em questões que tratem das diretrizes de utilização dos recursos hídricos.

Outros dois temas foram destacados: o impacto da tarifa de energia elétrica para a irrigação, que merecerá acompanhamento mais próximo da CNI e demais instituições; e a avaliação dos resultados obtidos com a implantação dos quatro primeiros polos de agricultura irrigada em 2019, cuja discussão teve a participação do coordenador geral de Agricultura Irrigada do Ministério do Desenvolvimento Regional, Frederico Cintra.

Polo Irrigação

A convite do Ministério de Desenvolvimento Regional (MDR) e da Associação do Produtores de Feijão, Trigo e Irrigantes do Mato Grosso (Aprofir-MT), a diretora Priscila Sleutjes esteve nos dias 12 e 13 de março, em Primavera do Leste (MT), participando da oficina que definiu a área de abrangência e selecionou projetos para a implantação do Polo de Agricultura Irrigada do Sul do Mato Grosso, o primeiro de 2020, que abrangerá uma área de 120 mil hectares e 25 municípios da região.

Para a diretoria da ASPIPP, a participação foi importante, na medida em que serviu de preparação para a implantação do Polo de Agricultura Irrigada do Sudoeste Paulista no segundo semestre de 2020, no município de Paranapanema, anunciado recentemente pelo Governo Federal, como resultado do trabalho realizado pela ASPIPP nos diferentes organismos federativos.

Agenda São Paulo

Reunida com o deputado Frederico D’Ávila, no último sábado (28), a diretoria da ASPIPP fez uma análise do atual contexto da agricultura irrigada nos diferentes cenários, alinhando uma agenda com ações positivas para o setor no ano de 2020. O parlamentar, que é produtor irrigante do sudoeste paulista e o principal representante da agricultura irrigada na Assembleia Legislativa, possui bom trânsito no Governo Federal e com o vice-governador Rodrigo Garcia, que é o atual secretário de Governo do Estado. “Além de fortalecer o encaminhamento das demandas nos diversos órgãos federais, discutimos com o deputado algumas ações, na tentativa de finalmente destravar o apoio do Governo do Estado para as políticas públicas em favor da agricultura irrigada”, enfatizou a diretora executiva da ASPIPP.

 

Da Assessoria de Comunicação | ASPIPP

Endereço

Av. das Posses, 120
Bairro: Campos de Holambra II
Paranapanema
financeiro@aspipp.com.br
(14) 3769-1788

Horário de Atendimento

Segunda a Sexta das:
07:30 – 12:00 / 13:30 as 17:00